Feevale e Prefeitura de Novo Hamburgo intensificam verificação de possíveis focos do mosquito transmissor da dengue | Universidade Feevale

Feevale e Prefeitura de Novo Hamburgo intensificam verificação de possíveis focos do mosquito transmissor da dengue

19/02/2021 - Atualizado 11h26min

Visitas são feitas por participantes do projeto de Prevenção e Combate à Dengue da Universidade

dengue

Agentes do projeto de Prevenção e Combate à Dengue da Universidade Feevale começam, nesta segunda-feira, 22, o Levantamento de Índice Rápido (Lira) nos bairros de Novo Hamburgo. A ação, que acontecerá ao longo da semana, tem como objetivo traçar um mapa dos focos de Aedes aegypti no município e desenvolver estratégias para eliminar o mosquito, que é o vetor da dengue.

Nessa atividade, devemos visitar 5% dos imóveis do município para que possamos analisar quais serão as regiões prioritárias para as atividades de combate à dengue”, explica Marina Schmidt Dalzochio, bióloga do projeto.

A ação, que conta com o apoio da Prefeitura de Novo Hamburgo, por meio do Convênio de Prevenção e Combate à Dengue, começará nos bairros Boa Saúde, Primavera, Rincão, Petrópolis, São Jorge, São José e Diehl. A programação completa das visitas pode ser conferida, diariamente, na página do projeto no Facebook (www.facebook.com/conveniodenguenh).

As visitas são feitas por participantes do projeto e estudantes dos cursos de Ciências Biológicas, Biomedicina e Farmácia da Universidade Feevale. “É importante que os moradores permitam a entrada desses acadêmicos em suas residências, para que, assim, eles possam procurar por locais com água parada e larvas do mosquito”, finaliza Marina.

O Convênio de Combate e Prevenção à Dengue é responsável pelo planejamento de combate ao mosquito, pela coleta, identificação e registro das amostras e pelo o mapeamento dos pontos positivos para a priorização das atividades de conscientização dos moradores. Os moradores podem ajudar a denunciar os possíveis focos do mosquito: basta entrar em contato pelo telefone (51) 3097-9400 e solicitar o ramal da Ouvidoria do Sistema Único de Saúde (SUS).

Como evitar a proliferação do mosquito:

Cuidados dentro de casas e apartamentos

  • Tampe os tonéis e caixas d’água
  • Mantenha as calhas sempre limpas
  • Deixe garrafas sempre viradas com a boca para baixo
  • Mantenha lixeiras bem tampadas
  • Deixe ralos limpos e com aplicação de tela
  • Limpe semanalmente ou preencha pratos de vasos de plantas com areia
  • Limpe com escova ou bucha os potes de água para animais
  • Retire água acumulada na área de serviço, atrás da máquina de lavar roupa

Área externa de casas e condomínios

  • Cubra e realize manutenção periódica de áreas de piscinas e de hidromassagem
  • Limpe ralos e canaletas externas
  • Atenção com bromélia, babosa e outras plantas que podem acumular água
  • Deixe lonas usadas para cobrir objetos bem esticadas, para evitar formação de poças d’água
 

Atendimento Feevale

Câmpus I

De segunda a sexta-feira, das 7h15min às 22h15min.

Câmpus II

De segunda a sexta-feira, das 8h às 22h15min.
Aos sábados, das 8h às 12h.

Câmpus III

De segunda a sexta-feira, das 9h15min às 11h30min e das 12h30min às 18h.

Retornaremos o seu contato no prazo máximo de 72 horas úteis, a contar do momento de conhecimento do contato, podendo este ser ampliado em situações mais complexas.

Atendimento Feevale

Os atendimentos presenciais realizados no setor Atendimento Feevale de ambos os câmpus podem ser agendados.

Localização: sala 207 – 2º andar
Horário: de segunda a sexta-feira, das 7h15min às 22h15min.
Localização: sala 101 – térreo do prédio Lilás.
Segunda a sexta-feira, das 8h às 22h15min.
Aos sábados, das 8h às 12h.
Localização: sala 003 - pavimento 0 do prédio Sede.
Segunda a sexta-feira, das 9h15min às 11h30min e das 12h30min às 18h.
Verifique os demais setores que disponibilizam o atendimento agendado.